quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

Preço de compra com cartão de crédito pode ficar mais alto

By
A partir do dia 27/12/2016, comerciantes oficialmente poderão cobrar preços diferenciados para pagamentos em dinheiro, cartão de crédito ou débito. Isto foi possível graças a  Medida Provisória 764/2016, assinada por Michel Temer (PMDB).

A MP também anula qualquer cláusula contratual que proíba ou restrinja a diferenciação de preços.

A mudança faz parte de um pacote de medidas para aliviar as dívidas de pessoas físicas e jurídicas, reduzir custos das empresas e diminuir a burocracia do comercio exterior.

De acordo com o Ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse que a proposta vai permitir que os lojistas ofereçam desconto em pagamento a vista, por exemplo, pratica já comum no mercado, mesmo até então sendo proibida.
cartão de crédito

Meirelles falou também que vai aumentar a competição pelos diversos meios de pagamentos.

Algumas entidades de defesa do consumidor são conta a medida. Segundo a Proteste, a pratica é abusiva  e que o consumidor ao aderir ao cartão de crédito, já paga anuidade, taxas e paga juros quando entra no crédito rotativo.

E você o que achou desta medida? Concorda, Discorda? Deixe seu comentário!

Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário