.

sábado, 11 de julho de 2020

Saldo FGTS pode ser utilizado como garantia para cartão de crédito

By With Nenhum comentário:
Em momentos de crise financeira, muitas pessoas estão recorrendo ao cartão de crédito como método de pagamento fácil e rápido para realização de compras essenciais ao seu dia-a-dia. Por muitas vezes, o método de pagamento é utilizado de maneira desenfreada e pode comprometer futuramente o planejamento estratégico de muitas pessoas e famílias.

Para minimizar os juros que são cobrados em um cartão de crédito pelo atraso no pagamento de faturas, por exemplo, estão sendo utilizadas algumas táticas e uma delas é o uso do saldo constado no FGTS cadastrado do usuário.

Como usar o FGTS em prol de suas contas com cartão de crédito?


O governo está viabilizando a medida que permite que o saldo FGTS possa ser utilizado como uma garantia para a operações realizadas com cartão de crédito. O objetivo dessa medida é fazer com que os juros sejam minimizados para os consumidores, contribuindo com sua situação financeira e também permitindo incentivar o uso desse método de pagamento como uma solução para suprir necessidades e desejos.

A garantia que está sendo observada para a liberação é referente ao saque de aniversário que é fornecido pelo FGTS. Esse tipo de liberação pode ser efetuada ainda no mês de julho, permitindo que a garantia possa ser usufruída pelos interessados para livrar-se ou minimizar os juros que são cobrados por cedentes do serviço.

Como funciona o saque FGTS de aniversário?


Nas datas estipuladas pelo órgão, que seria a Caixa Econômica Federal, é possível realizar um saque de contas inativas do FGTS para a conta corrente do interessado. Há a limitação de um saque anual que pode ser concretizado, retirando uma quantia do fundo que consta, permitindo tornar-se uma fonte de renda para auxiliar em crises financeiras ou até mesmo como um valor a ser investido em qualquer outra modalidade de serviços e créditos.

Já há previsão que a nova regulamentação permita que as instituições financeiras possam adiantar aos seus clientes até três anos de saque de aniversário do FGTS, ou seja, caso aprovado, os mesmos poderão recorrer até três vezes do valor que seria recebido pelo benefício do saque, visando contribuir com a economia e até mesmo com a rotina dos brasileiros principalmente nesse momento de pandemia e isolamento social.

É necessário consultar valores disponíveis e datas que podem ser efetuados os saques diretamente pelo sistema do FGTS.

quarta-feira, 8 de julho de 2020

PicPay vai limitar número de saques gratuitos nos caixas eletrônicos

By With Nenhum comentário:
Desde do fim do ano passado, o Picpay passou a permitir saques nos caixas 24 horas, sem ter cartão em mãos. Isso impressionou muitas pessoas pelos saques serem gratuitos e ilimitados.

No entanto, a partir de 1 de agosto de 2020, o Picpay permitirá apenas dois saques gratuitos por mês.

Em um email enviado para todos os  usuários, o Picpay informou que estará atualizando seus termos de uso e incluindo a limitação de saques.

Se você quiser sacar mais que duas vezes ao mês, poderá fazer isso normalmente, mas terá que pagar a tarifa de R$ 6,90 por saque.
Foto reprodução: https://www.midiamax.com.br/
A medida não chega a ser um absurdo. Podemos recordar que bancos como Nubank e Pagseguro cobram tarifas para todos os saques realizados em caixas eletrônicos. E mesmo aqueles que oferecem saque grátis, como é o caso do Banco Inter, acabam ficando com os custos, pois a empresa que gerencia os caixas 24 horas cobra da instituição a tarifa para que seja feito o saque.

Mesmo assim, ainda o Picpay tem suas vantagens. O saldo de transferência para conta bancária do usuário ainda continua gratuita.

Fonte: https://tecnograna.com.br/noticias/picpay-saques/

terça-feira, 7 de julho de 2020

Banco Inter vai dar o dobro de limite no Inter Day

By With Nenhum comentário:
Hoje (07/07/2020), o Banco Inter vai realizar um evento especial, o Inter Day. Nessa data, o banco vai dar descontos e cashbacks especiais. Para estimular as compras, o Inter dará o dobro de limite para quem comprar em marketplaces parceiros do banco.

Assim, se você tiver 1 mil reais de limite, por exemplo, no dia de hoje terá 2 mil para poder utilizar em compras no app do banco digital.

É importante lembrar que o limite terá como base seu limite disponível, excluindo o crédito que está comprometido. Exemplo: Se você tiver limite de R$ 1000 e tiver usado R$ 200, sobrarão R$ 800. No Inter Day você terá R$ 1600 de crédito para usar.

O super limite vale tanto para em compras em lojas no app do Banco Inter quanto a lojas que não possuem experiência de compras totalmente integrada com o aplicativo.
inter day
Foto reprodução: https://tecnograna.com.br/

No caso das compras realizadas pelo aplicativo hoje, o cashback entrará no cartão assim que o pagamento for realizado. Já pra compras realizadas pelo shopping do Banco Inter, o cashback será creditado em até 30 dias, a partir da data da compra.

Para que a compra seja validada, é necessário que o acesso ao Marketplace seja feito através do aplicativo do Banco Inter, sendo que, do contrário, a sua compra não seja identificada e você não receberá o cashback.

Fonte: https://www.conta-corrente.com/conta-digital/banco-inter/banco-inter-dara-o-dobro-de-limite-durante-o-inter-day/ e https://seucreditodigital.com.br/dobro-de-limite-do-cartao-de-credito-banco-inter/

sábado, 4 de julho de 2020

Quais os bancos com as maiores cobranças de dólar em cartões de crédito?

By With Nenhum comentário:
Novas regras indicam que os cartões de crédito devem realizar cobranças de compras no exterior de acordo com a cotação do dia da aquisição efetuada ou até mesmo do dia anterior, de acordo com o horário da cotação e transação. Anteriormente a cobrança era feita somente com a variação do dólar na data de fechamento da fatura, o que poderia causar algumas complicações financeiras aos clientes por não aguardarem determinado valor e surpreenderem-se com os preços.

Ainda que a regra tenha sido colocada em prática por todas as instituições financeiras, além do IOF que é cobrado do cliente, comumente por qualquer órgão cedente, o cliente ainda pode deparar-se com variações de preços de dólar que são cobrados pelos próprios bancos. Há uma variação entre quanto cada banco cota o dólar, levando com consideração do valor da Ptax, esta que é uma taxa de câmbio oficial, disponibilizada por meio do Banco Central, baseando-se em quantias que foram efetuadas de compra e venda da moeda no decorrer do dia.
cartão de crédito

Com esse valor em mãos, cada instituição financeira poderá fazer uma diferente aplicação, adicionando seu ágio acima daquele dólar que foi cotado. Esse ágio é a quantia que é requerida para a que a instituição realize a transação financeira solicitada pelo comprador, ou seja, ela pode variar de acordo com cada órgão cedente do cartão de crédito, causando surpresas indesejadas aos clientes no momento do pagamento de suas faturas.


Quais os bancos que possuem os maiores ágios?


Ao analisar diversas instituições financeiras, foi notado que o ágio é praticamente fixo, exceto pelo Banco Safra e Caixa Econômica Federal, apresentando uma pequena variação ao longo dos dias, ainda que não tão significativa. Normalmente essa mudança ocorre quando apresenta-se uma grande oscilação da cotação de dólar, aumentando o ágio nestas datas.

Os bancos, em ordem decrescente, que apresentam as maiores taxas de transação são: Safra (7%), Pan (6%), Santander (6%), Credicard (5,5%), Itaú (5,5%), Bradesco (5,3%), Uniprime (5%), Banco do Nordeste (5%), Porto Seguro (5%), Caixa (4,6%), BV (4,5%), BRB (4%), C6 (4%), Nubank (4%), Banco do Brasil (4%), Banrisul (3%), Sicred (1%), Banco Inter (1%) e tanto Unicred, quanto Sicood, não possuem ágio.

O malefício é que não há uma regra para a cobrança dos ágios pelas instituições financeiras, assim não há como definir regras e limites dos valores que são cobrados, cabendo aos clientes atentarem-se à esse dado.

terça-feira, 30 de junho de 2020

O que é a bandeira do cartão de crédito?

By With Nenhum comentário:
O cartão de crédito tornou-se um dos métodos de pagamento mais utilizados no mundo.

Há diversos estabelecimentos que aceitam diferentes tipos de bandeiras, além de opções de parcelamento que podem adequar-se melhor a cada cliente. A dúvida de muitos clientes aparece ao tratar-se das bandeiras desses cartões de crédito.

Há algumas empresas que monopolizam o mercado e fornecem seus serviços aos usuários, cada uma delas com suas próprias especificidades e benefícios.

O que é bandeira de cartão de crédito?

Antes de tratarmos especificamente das bandeiras e sua variedade no mercado, é ideal saber o que exatamente são essas bandeiras e o que as definem. Uma bandeira de cartão de crédito é capaz de realizar a medição das operações de venda que são efetuadas em lojas e estabelecimentos, conjuntamente com a operadora que concede esse benefício.

Basicamente a bandeira atua como uma intermediadora, permitindo o reconhecimento das transições que são realizadas até o banco que fornece o serviço em si. A principal função da bandeira de cartão de crédito é permitir que o método de pagamento seja aceito para a efetuação dos pagamentos. As marcas de bandeiras não estão relacionadas à administração do serviço, ficando isso a cargo da operadora.

As definições de serviços fornecidos ao usuário normalmente ficam a cargo da operadora, assim cartões diferenciados que são fornecidos por operadoras distintas, mas com a mesma bandeira, podem apresentar características e benefícios completamente diferentes, apenas com a mesma representatividade do intermediário e da aceitação dos estabelecimentos em comum.

Quais as principais bandeiras de cartões de crédito?

A escolha dos clientes pode variar de acordo com algumas bandeiras que estão atualmente disponíveis no mercado, observando qual a mais vantajosa e que atende às suas necessidades e desejos.

- Visa: É uma das principais bandeiras utilizadas para a emissão de cartões de crédito. Sua aceitação é internacional, podendo utilizá-lo em aproximadamente 200 países.

- MasterCard: Outra das bandeiras mais populares e aceitas em diversos estabelecimentos, sendo válida para 210 países. É, atualmente, a cedente mais utilizada, com grande número de utilizadores, totalizando aproximadamente 700 milhões de unidades espalhadas pelo mundo.

 - American Express: Também conhecida como AMEX, é uma bandeira de cartão de crédito para usuários com alta renda, pois é fornecido principalmente a partir de determinadas rendas do cliente. Não é tão comumente encontrada ou aceita no Brasil.

 - Dinners Club: Outra das bandeiras que também é destinada para pessoas com alta renda, o Dinners Club está disponível para pessoas com renda a partir de R$3.000, um público mais seleto, porém com diversos benefícios agregados e exclusivos, principalmente de recompensas.

- Elo: A bandeira brasileira, a Elo foi criada para satisfazer a necessidade e desejos de todos os brasileiros, ganhando grande visibilidade e aceitação no mercado nos últimos anos. A bandeira surgiu como uma parceria da Caixa Econômica Federal, juntamente com o Banco do Brasil e o Bradesco, ganhando o terceiro lugar no ranking das mais usadas no país.

- Sococred: Uma bandeira não tão popular, mas que vêm ganhando bom espaço nesse cenário, a Sorocred foi destinada inicialmente para os comerciantes de Sorocaba, porém já está expandindo-se para outras cidades e regiões. Mesmo com poucos estabelecimentos conveniados, oferece uma série de vantagens agregadas com seu uso.

O que levar em consideração para a escolha da bandeira do cartão de crédito?

Com a diversidade de bandeiras disponíveis no mercado, assim como empresas que ainda estão surgindo nesse segmento com mais novidades, é necessário levar em consideração diversos aspectos no momento de escolher qual a bandeira na qual deseja emitir o método de pagamento. Primeiramente, é necessário pesquisar a quantidade de estabelecimentos que aceitam o pagamento com determinada bandeira.

Algumas delas são mais abrangentes e listam uma diversidade de locais nos quais é possível realizar suas compras. Em território nacional, é muito comum a aceitação de todas as bandeiras que foram citadas acima, exceto American Express e Dinners Club que são mais exclusivas e normalmente filiadas à empresas estrangeiras.

Já para os apaixonados por viagens que desejam um cartão de crédito mais versátil e que possa ser utilizado livremente em seus passeios ou compras no exterior, as bandeiras Visa e Mastercard são as mais indicadas, devido à extensão para estabelecimentos de diversos países.

Caso o uso seja somente no Brasil, é possível apostar nas bandeiras nacionais, como a Elo, usufruindo normalmente de taxas menores que são cobradas dos bancos e, por consequência, dos seus clientes.

O programa de vantagens ofertado pela bandeira de cartão de crédito também pode impactar diretamente na escolha. É necessário conferir cada benefício que é fornecido individualmente pela empresa, com milhagens e recompensas variáveis de acordo com o uso do método de pagamento. Além da bandeira, esses programas também variam de acordo com o serviço bancário contratado.

sexta-feira, 26 de junho de 2020

Cielo suspende pagamento por aplicativo

By With Nenhum comentário:
A Cielo anunciou a suspensão de seus serviços relacionados a transações de pagamentos que seria disponibilizado nos aplicativos do Whatsapp e do Facebook.

A pouco mais de 12 dias, a administradora de cartão havia anunciado a parceria com o Facebook para viabilizar esse tipo de transação, que é feito hoje através de lotéricas e por via bancária.

Em comunicado, a empresa anunciou que estaria sendo disponibilizado gradualmente a opção "pagamentos" no menu de ícones, sendo possível fazer pagamentos utilizando o cartão de crédito ou débito e também o acompanhamento do histórico de transações.

A função havia sido liberada para 1,5 milhão de usuários, sendo que, essa função se estendia a clientes da Nubank, do Banco do Brasil e do Sicredi.

Para quem não sabe, o Banco Central anunciou que o Whatsapp Pagamentos deverá ser desativado em todo o Brasil. De acordo com a instituição, se faz necessário realizar uma avaliação de riscos para que seja evitado "danos irreparáveis a competitividade no mercado, eficiência e privacidade dos dados".

A decisão se aplica as bandeiras Visa e Mastercard e deve ser feita de forma imediata.

Fonte: https://www.em.com.br/app/noticia/economia/2020/06/24/internas_economia,1159481/operadora-de-cartao-de-credito-suspende-pagamento-por-aplicativo.shtml e https://www.tecmundo.com.br/software/154470-banco-central-suspende-whatsapp-pagamentos-brasil.htm

Posso ter cartão de crédito com Bolsa Família

By With Nenhum comentário:
 O Bolsa Família é um dos programas mais populares brasileiros que disponibiliza um auxílio às famílias com baixa renda.

O principal objetivo é permitir que todos os cidadãos possuam alimentação, educação e saúde por meio de suporte público prestado aos mesmos.

Com a inclusão no bolsa família, o beneficiário terá direito à um cartão para realização de saques em caixas 24 horas, lotéricas ou agências bancárias.

 Devido às transações limitadas possíveis para os contemplados, excluindo qualquer tipo de limite de crédito, muitos deparam-se com a dúvida se é possível solicitar um cartão de crédito mesmo pertencente ao programa Bolsa Família.

É possível solicitar um cartão de crédito sendo beneficiário do Bolsa Família?

A requisição de um cartão de crédito varia de acordo com a instituição financeira desejada, porém, em suma, os órgãos solicitam que haja a apresentação de renda que é recebida pelo solicitante.

 Nessa totalização de renda, é possível incluir o salário recebido, pensões e quais os benefícios governamentais, incluindo o Bolsa Família, podendo auxiliar na aprovação de um método de pagamento do gênero por afirmar renda para quitar os gastos realizados com o cartão de crédito.

Caso o interessado em contratar um cartão de crédito apresente apenas o Bolsa Família como forma de renda atual, a aprovação do método de pagamento pode ser dificultada. As instituições financeiras exigem que haja uma renda mínima de acordo com os serviços que são fornecidos pela mesma para a contratação, realizando uma análise da situação econômica do cliente.

A maioria dos cartões de crédito apenas fornecem suas vantagens para rendas acima de um salário mínimo. Documentos que podem auxiliar na aprovação do cartão de crédito para os beneficiários apenas do Bolsa Família são comprovantes de serviços prestados ainda que de maneira informal. Muitos não possuem empregos registrados, o que pode auxiliar nesse caso.

Saiba mais sobre:


Outro formato é a solicitação de um cartão de crédito consignado ou até mesmo a requisição de cartões de crédito atribuídos à lojas e marcas diversas, normalmente que disponibilizam um limite menor de crédito e, consequentemente, uma exigência menor de renda.

Cartões de crédito para pessoas com baixa renda

Algumas instituições financeiras já possuem serviços para atender pessoas com baixa renda. Normalmente são modelos que são solicitam renda mínima ou que apontam rendas baixas como pré-requisito.

Podendo fornecer serviços pré-pagos, por exemplo, ou com limites baixos de crédito. Nesses casos, o acordo é facilitado caso a pessoa já seja cliente de conta corrente e outros serviços do mesmo banco.