.

sábado, 13 de julho de 2019

Dicas para evitar clonagem de seu cartão de crédito

By
Golpes aplicados para obter dados de cartão de crédito tornam-se mais comuns e despertam a necessidade de maiores cuidados e cautelas que devem ser tomadas pelos consumidores em diversas situações para evitar surpresas desagradáveis com o recebimento da fatura. Com algumas práticas, é possível evitar esses problemas e garantir maior segurança para você e esse método de pagamento.

Atente-se à engenharia social


Esse tipo de crime para a clonagem do cartão de crédito normalmente acontece com o contato telefônico do criminoso, que cria uma história com a finalidade de obter os dados de seu cartão de crédito e até mesmo entregar o método de pagamento de alguma forma.

É importante ressaltar que nenhum dado do benefício deve ser repassado por contato telefônico, principalmente sem saber a real procedência de uma empresa ou instituição que a está solicitando.
Foto reprodução: fortebrasil.com.br


Tome cuidado com o golpe do motoboy


O crime conhecido como golpe do motoboy para realizar a clonagem do cartão de crédito ocorre, também, via ligação telefônica, com a empresa identificando que determinada compra foi realizada no benefício sem a autorização devida, sinalizando o número da central para que o cliente ligue para realizar o devido cancelamento.

Com o contato telefônico do cliente à central indicada, o atendente parece saber todos dados necessários, dizendo ao consumidor que o mesmo deverá entregar seu cartão de crédito - que supostamente foi clonado por conta da compra não autorizada - à um motoboy que recolheria o serviço, assim seria possível realizar a troca.

A realidade do golpe do motoboy é que a compra indicada no cartão de crédito nunca foi efetuada e que a ligação à central não chegou propriamente aos responsáveis pela instituição financeira. O motoboy que buscou o cartão de crédito faria parte de uma quadrilha de clonagem de cartões de crédito, podendo causar prejuízos extraordinários com compras diversas.

Para evitar esse tipo de problema deve-se atentar-se às ligações que passam-se pelas instituições financeiras, sem entregar o cartão de crédito para supostos motoboys, sempre buscando a agência mais próxima quando esse fato ocorrer.

Clonagem em sites da internet


Ainda que os golpes acima citados sejam comuns, os frequentemente vistos atualmente são os que usufruem de e-commerces para realização da clonagem do cartão de crédito, adquirindo todos os dados dos compradores após o preenchimento do pagamento e podendo utilizá-lo como melhor preferir.

É necessário sempre buscar a procedência desses sites antes de realizar suas compras, além de verificar certificados de segurança dessas páginas.

Veja dicas de como trabalhar Home Office pela internet direto de sua casa, no conforto do seu lar!




Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário